2022

Ninja ZX-10R

A Ninja ZX-10R tem mostrado seu potencial em circuitos de forma muito clara através de seus resultados superlativos no campeonato mundial de Superbike (WSB). Com… + Leia mais

  • Cores:
ESTOU INTERESSADO

    Compartilhe:
    Share

    DESCRIÇÃO

    A Ninja ZX-10R tem mostrado seu potencial em circuitos de forma muito clara através de seus resultados superlativos no campeonato mundial de Superbike (WSB). Com inúmeros benefícios do feedback do Kawasaki Racing Team, bem como das pesquisas e desenvolvimentos em andamento, a nova Ninja ZX-10R 2020 é o que há de mais próximo a uma Superbike de fábrica altamente avançada que a Kawasaki tem a oferecer.

    Com uma maior performance, projetada para conseguir fazer tempos de volta ainda mais rápidos na pista, a Ninja ZX-10R está bem posicionada para continuar o domínio das Kawasaki Ninja ao redor do mundo.

    CARACTERÍSITCAS

    Com motor e chassi projetados para ser a mais rápida das pistas, a Ninja ZX-10R oferece um alto potencial para os circuitos. Para garantir que ela se mantenha vitoriosa, os engenheiros da Kawasaki realizaram diversas mudanças que beneficiará os pilotos e as equipes de competição.
    Um excelente exemplo da forma que segue a função, o estilo da Ninja ZX-10R foi projetado com a performance aerodinâmica firmada na cabeça.

    O design liso e esportivo oferece uma significante melhora no arrasto aerodinâmico, aumento no downforce (graças a carenagem frontal aerodinamicamente esculpida coma sas integradas) e uma melhor proteção contra o vento (graças ao parabrisas mais alto).
    Alimentado pelo programa de modelagem dinâmica da Kawasaki e aprimorado com a IMU da Bosch, a eletrônica de ponta do Ninja ZX-10R contribui para a emoção de pilotar uma máquina superesportiva de alta performance.
    Destaques como os Modos de Pilotagem Integrados, Cruise Control eletrônico e o painel de instrumentos em TFT com conectividade com smartphones contribuem para maior prazer nos passeios urbanos.
    Usando um controle eletrônico de alta precisão para o gerenciamento do motor, os modelos Kawasaki podem atingir um alto nível de eficiência de combustível. No entanto, o consumo de combustível é altamente afetado pelo uso do acelerador, pela marcha engatada e outros elementos sob controle do piloto. O indicador de pilotagem econômica é uma função que indica quando a atual condição de pilotagem está consumindo uma baixa quantidade de combustível. O sistema monitora continuamente o consumo de combustível, independente da velocidade da motocicleta, da rotação do motor, posição do acelerador e outras condições de pilotagem. Quando o consumo de combustível é baixo para uma certa velocidade (por ex. quando a eficiência de combustível é alta), uma marca “ECO” aparece no painel de instrumentos. Ao pilotar de modo em que a marca “ECO” permaneça acesa, o consumo de combustível pode ser reduzido.
    Enquanto a velocidade da motocicleta e a rotação do motor de maneira efetiva pode variar de acordo com o modelo da motocicleta, prestar atenção nas condições que ativam a marca “ECO” podem ajudar o piloto a melhorar a eficiência de combustível – um método útil para aumentar a autonomia da motocicleta. Além disso, manter o consumo de combustível baixo ajuda a minimizar o impacto negativo no meio ambiente.
    O sistema de atuação de aceleração totalmente eletrônico Kawasaki permite que a ECU controle o volume tanto de combustível (pelos injetores) quanto o de ar (pelas válvulas de aceleração) que são entregues ao motor. A posição da válvula do acelerador e a injeção de combustível ideal resultam numa resposta suave e natural do motor. O sistema também contribui significativamente para uma redução nas emissões.
    As válvulas de aceleração eletrônicas também permitem um controle mais preciso dos sistemas de gerenciamento eletrônicos como o S-KTRC e KTRC, e permitem a implementação de sistemas eletrônicos como o KLCM, o sistema de controle de freio-motor e o cruise control eletrônico.
    O controle de freio motor permite o piloto ajustar o freio-motor de acordo com sua preferência. Quando o sistema é ativado, o efeito do freio-motor é diminuído, reduzindo a interferência durante a pilotagem em autódromo.
    Desenhado para auxiliar os pilotos a otimizarem a aceleração a partir da inércia, o KLCM controla o motor eletronicamente de modo a evitar os empinamentos nas partidas. Com o mante da embreagem puxado e o sistema ativado, a rotação do motor é limitada a uma determinada rotação na qual o piloto mantém o acelerador aberto. Uma vez que o piloto solta o manete de embreagem para acoplar a embreagem, a rotação do motor pode aumentar, mas a potência é ajustada para minimizar a derrapagem da roda traseira e ajudar a manter a roda dianteira no chão. O sistema desacopla automaticamente uma vez que uma predeterminada velocidade é atingida ou o piloto engata a 3a marcha. Dependendo do modelo, os pilotos podem escolher entre múltiplos modos, cada um oferecendo um nível maior de intrusão.
    Os modelos equipados com múltiplos modos de potência oferecem aos pilotos uma seleção de fácil escolha de potência de motor para se adequar às condições de pilotagem ou à preferência do piloto. Além do modo de potência total, é providenciado um (Low-Baixo) ou dois (Middle – Médio, Low – Baixo) modos alternativos na qual a potência máxima é limitada e a resposta do acelerador é mais suave.
    S-KTRC, o controle de tração original Kawasaki utiliza a mesma tecnologia base que as máquinas de trabalho Kawasaki.
    Desenvolvida para maximizar a aceleração, ela permite a pilotagem no limite da aderência da pista. Essa tecnologia controla de modo contínuo o deslizamento da roda traseira que ocorre quando a potência é aplicada, assegurando a aceleração ideal. No geral, o avanço máximo requer uma certa quantidade de deslizamento. Para garantir a transferência mais efetiva de potência para a pista, S-KTRC monitora a taxa de deslizamento em tempo real, e administra a entrega de potência do motor para otimizar a tração na roda traseira.
    Desenhado para ajudar pilotos a maximizar sua aceleração nos circuitos ao permitir a troca de marcha para cima sem o uso da embreagem com o acelerador totalmente aberto, o KQS detecta que o manete de embreagem foi acionado e manda um sinal para a ECU cortar a ignição para que a próxima marcha possa ser engatada sem o uso da embreagem. Dependendo dos ajustes da ECU (ou quando o kit de ECU de competição é utilizado), as reduções de marcha sem embreagem também são possíveis.
    A Ninja ZX-6R possui KQS para cima. Já os modelos Ninja ZX 10R e Versys 1000 Grand Tourer possuem KQS tanto para cima quanto para baixo.
    O sistema de cruise control da Kawasaki permite que uma velocidade desejada seja mantida com o simples toque de um botão. Tecnologia que reduz o cansaço do piloto e contribui para um alto nível de conforto na condução.
    Utilizando a mais recente evolução deste software de modelagem avençada e feedback originado em uma unidade inercial (IMU) Bosch, o KCMF monitora os parâmetros do motor e do chassi ao longo da curva (desde a entrada, passando pelo ápice e até a saída), modulando a força de frenagem e a potência do motor. Isso proporciona uma transição suave da aceleração para a frenagem e vice-versa e ajuda o piloto a traçar a linha pretendida através da curva. Os sistemas que o KCMF supervisiona variam conforme o modelo, mas podem incluir:
    - S-KTRC/KTRC (Incluindo o gerenciamento de tração e gerenciamento de empinamento das rodas);
    - KLCM* (Incluindo o gerenciamento de tração e gerenciamento do empinamento das rodas);
    *Projetado para otimizar a aceleração na hora da partida
    - KECS
    - KIBS
    - Kawasaki Engine Brake Control (Controle de freio-motor Kawasaki)

    GALERIA

    ESPECIFICAÇÕES


    MOTOR
    Tipo 4 tempos, 4 cilindros em linha, refrigeração líquida
    Cilindrada 998 cc
    Diâmetro x curso 76,0 x 55,0 mm
    Taxa de compressão 13,0:1
    Sistema de válvulas DOHC, 16 válvulas
    Sistema de combustível Injeção eletrônica
    Ignição Digital
    Partida Elétrica
    Lubrificação Lubrificação forçada (cárter úmido com óleo refrigerado)
    QUADRO
    Tipo Viga dupla em alumínio fundido
    Curso da roda: Dianteiro 120 mm
    Curso da roda: Traseiro 114 mm
    Pneu: Dianteiro 120/70ZR17M/C (58W)
    Pneu: Traseiro 190/55ZR17M/C (75W)
    Caster (rake) 25˚
    Trail 107 mm
    Ângulo de esterçamento (Esq/Dir) 27˚ / 27˚
    DIMENSÕES
    Comprimento total 2.085 mm
    Largura total 740 mm
    Altura total 1.145 mm
    Entre eixos 1.440 mm
    Altura mínima do solo 145 mm
    Altura do assento 835 mm
    Peso em ordem de marcha 206 kg
    Capacidade do tanque 17 litros
    TRANSMISSÃO
    Transmissão 6 velocidades
    Sistema de acionamento Corrente de transmissão
    Relação de redução primária 1,681 (79/47)
    Relações de marcha: 1a 2,600 (39/15)
    Relações de marcha: 2a 2,222 (40/18)
    Relações de marcha: 3a 1,944 (35/18)
    Relações de marcha: 4a 1,722 (31/18)
    Relações de marcha: 5a 1,550 (31/20)
    Relações de marcha: 6a 1,391 (32/23)
    Relação de redução final 2,294 (39/17)
    Embreagem Multidisco, em banho de óleo
    SUSPENSÃO
    Dianteira: Garfo invertido de 43mm do tipo Balance Free Front Fork com câmara de compressão externa, retorno, compressão é pré-carga da mola totalmente ajustáveis
    Traseira: Back-link horizontal com BFRC lite e reservatório de gás do tipo piggyback, compressão, retorno e pré-carga totalmente ajustáveis
    FREIOS
    Dianteiro: Tipo Disco duplo de 330 mm semi-flutuante
    Dianteiro: Pinça Dupla fixação radial com 4 pistões opostos
    Traseiro: Tipo Disco simples de 220 mm em formato margarida
    Traseiro: Pinça Simples de furo com pino deslizante, pistão de alumínio
    PERFORMANCE
    Potência máxima 203 CV / 13.500 rpm
    Potência máxima com Ram Air 213 CV / 13.500 rpm
    Torque máximo 11,7 kgf•m / 11.200 rpm

    Disponibilidade, modelos, cores e especificações sujeitas a alteração sem prévio aviso. Imagens ilustrativas.


    A KAWASAKI USA E RECOMENDA
    Mobil Super Moto